quinta-feira, 29 de maio de 2014





SPA


As mãozinhas são sapudas e esfregavam-me vigorosamente o braço. Depois, encostava o nariz à minha pele e sorria, com um jeito de menina pequena e ria de cada coisa que lhe dizia, elogiando-lhe a dicção correta e a desenvoltura linguística que apresentava. Fez 4 anos há pouco tempo e precisou de todo o 1º e 2º períodos escolares para absorver a informação, para se situar, para se enquadrar. Estes processos são pessoais e todos têm ritmos diferentes. Agora, já quase no final do ano, desabrocha em força como a Primavera que vemos lá fora. Fala pelos cotovelos e aproveita estes pedaços de tempo com o adulto referência para ser ela própria, com uma espontaneidade que, às vezes, o grande grupo inibe. E lá me massajava e penteava e cuidava, num jogo simbólico simples, mas maravilhoso. Disse-lhe que parecia que estávamos num SPA. -SPA? O que é isso? 
-É um sítio onde vamos para descansar e ficar lindas. 
-Lindas? Assim como a minha mãe? 
-Sim, querida, assim como a tua mãe. 
E sorri de frente para ela enternecida com esta ligação direta à mãe. Eu, meio dormente com esta terapia ocasional e rápida, ouvi-a dizer a outra: 
-Já viste? A Paula está aqui para ficar linda, assim como a minha mãe. E viste o sorriso dela para mim? Não é lindo também?

Fiquei derretida de ternura, como sempre fico com estas coisas que me dizem estes pingentes de 3, 4 e 5 anos. Pensei que o sorriso que lhe fiz veio de dentro de mim, com aquela força que só as coisas verdadeiras têm e assim hoje, depois de um dia denso e cansativo, depois de me firmar a pés juntos junto daqueles que amo, que é sempre onde venho tentar infundir-me de tudo o que é bom, veio-me à cabeça o meu SPA improvisado de ontem e a sensação tão boa que tive de bem-estar.
Num SPA verdadeiro, sorriria eu assim?



A denominação SPA, quer dizer salut per aqua, em latim, ou solus per aqua, que significa saúde pela água, numa alusão aos conhecimentos dos romanos acerca dos efeitos positivos das águas termais; ou diz respeito também a uma cidade belga chamada SPA, próxima de Liége, onde existia uma nascente de água muito quente, que era muito frequentada pelo público em busca de um banho relaxante, ou higienizante.

In, aorigemdascoisas.com