quinta-feira, 12 de junho de 2014



INÉRCIA DE SOFÁ E OUTRAS COISAS




Deitei o café dentro do copo de gelo e ouvi-o desfazer-se com estalinhos pequeninos, partindo-se, enquanto a bebida castanha se misturava pelo copo fora. Nos picos de calor sempre gostei de beber assim o café. Até aquele café de saco que a minha avó fazia e que agora a minha mãe também faz. Gosto de pô-lo gelado, com casquinhas de limão e bebê-lo assim, bem fresco. Sabe-me a mel, mesmo não tendo açúcar nenhum!

E esta repetição de gestos comuns e de gostos de sempre, obrigou-me a rever mentalmente um esquema de férias que, repetidamente, também, vai começando para a pequena maioria cá de casa.
-Terão de ler, terão de escolher um livro, qualquer que seja, para ler; terão tarefas domésticas sim, para combater a inércia de sofá; terão que rever/arrumar o armário dos livros/manuais escolares, selecionando-os, direcionando-os para outros donos e outras casas; terão que escolher qualquer coisa altruísta para fazer, se não em regime/forma de voluntariado ativo, então que seja mesmo em casa, connosco, predispondo-se a fazer qualquer coisa de fundo... selecionar roupas, sapatos, COISAS, arrumar armários, compilar fotos, o que quer que seja... 
Terão que me dar contas de tudo isso, que SÓ será supervisionado por mim e, por osmose, pelo pai também; terão que articular os três nisso tudo, gerindo as diferenças de idades, maturidades, ritmos; terão que discutir, pois então, ou não fossem irmãos com idades quase iguais; terão que gerir a INÉRCIA apetecida (e merecida!) com uns Pais que AINDA não estão de férias e que, portanto, não têm ainda a disposição e a logística para aceder a programas coloridos; terão que....

E nisto pensava o meu cérebro pensador, a 1000 à hora, quando um alerta laranja disparou por estes lados!
-Calma!... Então eu acuso-os de porem a carroça à frente dos bois, de não viverem as coisas porque ainda estas não começaram e já estão a questionar que OUTRAS vêm a seguir e não estou agora a fazer exatamente o mesmo? Isto há coisas...

O meu mapa de férias está feito e mentalmente traçado, mas agora é justo, muito justo que gozem de alguma inércia de sofá, de algum ócio saboroso, ou pastelice teimosa. Afinal, as férias terão sempre esses pedacinhos de off com o mundo, mas pronto, qb ok? SE FOR DEMAIS, DEIXA DE TER PIADA....